(Lançamento) VW Saveiro 2024 traz visual atualizado e nova versão, mas sem câmbio automático

Depois de muitas especulações e palpites, a VW Saveiro chega à linha 2024 com novidades. Disponível agora em menos versões, mas numa linha inédita (composta pela Robust cabine simples de R$95,8 mil, Robust cabine dupla de R$109,7 mil, Trendline cabine simples de R$101,5 mil e Extreme, a nova Cross, sempre com cabine dupla, por R$114,6 mil), a picapinha está prestes a completar 15 anos de mercado nessa mesma geração, e hoje já pode ser considerado o carro mais antigo sem trocar de geração em produção no mercado brasileiro.

O que muda? hoje a mais barata do segmento e rival eterna da Fiat Strada, ela ganha nova frente, com capô, grade, parachoques e faróis inéditos, no melhor estilo de irmãos maiores como Taos e Nivus. Na realidade, a Saveiro agora traz a mais recente identidade visual da marca, inclusive na traseira mais retilínea e imponente. Muda a estampa da tampa da caçamba (agora nela pode haver um friso preto de ponta a ponta, interligando as lanternas, também novas), e o parachoque, um pouco mais alto e vincado.

Lateral e interior permanecem praticamente idênticos: mudam apenas os estilos de identificação de cada versão (adesivo ou emblema), e só a Trendline ganha rodas inéditas (as calotas da Robust agora são pretas e as rodas 15” da Extreme vem da Cross 2023). Por dentro há novos tecidos de banco (ou couro sintético no caso da Extreme, junto de detalhes em cinza esverdeado), grafias revistas no painel de instrumentos para as versões mais caras e o volante atualizado, agora com o novo logo simplista da VW ao centro.

Além da adoção do ESP, controle eletrônico de tração, assistente de saída em rampas e sensores de estacionamento traseiros de série para toda a linha, não há mais novidades: ela continua tendo sempre ar-condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricas, banco do motorista com ajuste de altura, freios a disco nas quatro rodas, porta USB para recarregar celular e protetor plástico de caçamba.

As mais caras, em especial Extreme, chegam a ter rack de teto, santantônio, coluna de direção regulável em altura e profundidade, bancos em couro sintético, capota marítima, faróis de neblina, multimídia de 7” com Android Auto/Apple CarPlay, câmera de ré, volante multifuncional em couro, monitoramento da pressão dos pneus, retrovisor interno fotocrômico sem borda, controle eletrônico de descidas, piloto automático, sensor de chuva, acendimento automático dos faróis e mais.

A motorização continua inalterada: o 1.6 16v família EA-211, com duplo comando variável, produz sempre 116 cv de potência e 16,1 mkgf de torque (gasolina ou etanol), e opera junto de uma transmissão manual de cinco marchas. A transmissão automática, tão pedida na Saveiro e já presente na Strada (onde faz sucesso), ficou de fora novamente: a VW já tem o “kit” desse motor 1.6 EA-211 junto da caixa automática Aisin de seis marchas pronto desde 2018, mas optou por manter sua picape derivada do Gol sempre manual.

Oficialmente, a VW fala em cerca de 10 segundos na prova de 0 a 100 km/h, com velocidade máxima ao redor dos 180 km/h. Seu consumo médio com cabine simples, segundo o INMETRO, é de 7,9 km/l na cidade e 9,1 km/l na estrada (etanol) ou 11,5 km/l na cidade e 12,9 km/l na estrada (gasolina). Já nas versões de cabine dupla, são, na ordem, 7,8 km/l e 8,9 km/l (etanol), ou 11,3 km/l e 12,6 km/l (gasolina).

No mais, além das suspensões erguidas em 1 cm, nada novo na mecânica da Saveiro 2024, mas a VW ainda afirma que é dela o melhor custo X benefício da categoria (incluindo gastos com combustível, manutenção programada, trocas de peças triviais e cotação de seguro). Já disponível para venda na rede de concessionárias da fabricante, a picape tem cinco cores no catálogo: Branco Cristal, Preto Ninja, Prata Sirius, Cinza Oliver (só para Robust e Trendline) e Cinza Moonstone (só Extreme).

Compartilhar:
Com 21 anos, está envolvido com o meio automotivo desde que se conhece por gente através do pai, Douglas Mendonça. Trabalha oficialmente com carros desde os 17 anos, tendo começado em 2019, mas bem antes disso já ajudava o pai com matérias e outros trabalhos envolvendo carros, veículos, motores, mecânica e por aí vai. No Carros&Garagem produz as avaliações, notícias, coberturas de lançamentos, novidades, segredos e outros, além de produzir fotos, manter a estética, cuidar da diagramação e ilustração de todo o conteúdo do site.