Toyota apresenta nova geração da RAV4 a partir de R$165.990

A Toyota apresentou em Buenos Aires, na Argentina, a quinta geração do seu SUV RAV4. A quarta geração, lançada aqui em meados de 2013, vinha decepcionando nas vendas, o que deverá mudar com esse novo modelo, já que a Toyota pretende comercializar cerca de 5 mil unidades por ano. Disponibilizada para venda no Brasil somente a partir do dia 13 de junho, essa nova RAV4 é montada sobre a plataforma TNGA, a mesma que equipa o Prius e o Corolla geração 12, vendido somente no exterior, que deve desembarcar aqui no final desse ano. Somente com motorização híbrida (Junção de motor a combustão e elétrico, priorizando o consumo) e importada do Japão, a RAV4 2020 chega em duas versões: S Hybrid e SX Hybrid, ambas equipadas com um propulsor 2.5 16v com 178 cv e 22,5 mkgf de torque movido somente a gasolina, aliado a três motores elétricos que, juntos, desenvolvem 120 cv e 20,6 mkgf de torque. Juntos, o propulsor a gasolina e os três elétricos desenvolvem 222 cv. O câmbio, tipo CVT, e a tração, nas quatro rodas, são de série nas duas versões.

Comparando com a geração anterior, o que mais mudou dimensionalmente foi o entre-eixos (Que cresceu 3 cm, passando de 2,66 m para 2,69 m) e a altura, que teve redução de 3 cm (1,71 m na anterior contra 1,68 m da nova). Comprimento e largura continuam, basicamente, iguais. O porta-malas desse novo modelo tem capacidade para 580 litros, um número bastante razoável para as dimensões do carro. De série, a versão de entrada S Hybrid, que custa R$165.990, vem com 7 airbags, controles eletrônicos de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, ar-condicionado automático digital dual zone, faróis full LED, partida por botão, bancos dianteiros ventilados e com ajustes elétricos para o motorista, multimídia de 7”, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, freio de estacionamento eletrônico, tela TFT de 7” no painel de instrumentos, entre outros.

Já a topo de linha SX Hybrid, que custa R$179.990, adiciona, além dos itens da primeira versão, teto solar panorâmico, tampa do porta-malas com abertura e fechamento automáticos por sensor, carregador de celular por indução, paddle shift para trocas de marchas manuais e o pacote de segurança Safety Sense, que conta com sistema de pré-colisão frontal, alerta de mudança de faixa com condução assistida, controle de cruzeiro adaptativo (ACC) e farol alto automático.  Nas duas versões, a RAV4 vem equipada com rodas de liga-leve aro 18. O modelo chega para brigar com Volkswagen Tiguan, Honda CR-V, Chevrolet Equinox, entre outros.

Compartilhar:
Douglas Mendonça
Jornalista na área automobilística há 45 anos, trabalhou na revista Quatro Rodas por 10 anos e na Revista Motor Show por 24 anos, de onde foi diretor de redação de 2007 até 2016. Formado em comunicação na Faculdade Cásper Líbero, estudou três anos de engenharia mecânica na Faculdade de Engenharia Industrial (FEI) e no Instituto de Ensino de Engenharia Paulista (IEEP). Como piloto, venceu a Mil Milhas Brasileiras em 1983 e os Mil Quilômetros de Brasília em 2004, além de ter participado em competições de várias categorias do automobilismo brasileiro. Tem 64 anos, é casado e tem três filhos homens, de 17, 28 e 31 anos.
Ainda não há comentários! Seja o primeiro a comentar.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *